Seu Navegador não tem suporte a esse JavaScript!

Notícias

Câmara presta homenagem ao Dia da Independência do Brasil

     No dia sete de setembro de mil oitocentos e vinte e dois (1822), D. Pedro I declamou o famoso grito "Independência ou morte", às margens do Rio Ipiranga na cidade de São Paulo. O ato marcou a história do país por ficar conhecido como o momento da separação entre a coroa portuguesa e a sua colônia depois de trezentos e vinte e dois anos do seu descobrimento. No ano de 2020, comemora-se cento e noventa e oito (198) anos daquele dia. Novas versões históricas estão ampliando a visão crítica sobre o episódio, trazendo novas crenças sobre o momento romântico que Pedro Américo eternizou na pintura daquele ato histórico.

     Desde então o nacionalismo uniu a população e tornou o Brasil forte para enfrentar todos os desafios econômicos, políticos e sociais que poderiam se impor perante a nova nação. A construção da nação brasileira, o sentimento de nacionalidade, de patriotismo, de civismo e a identidade nacional foram crescendo com o passar dos anos; Primeira República (1889 a 1930). A Era Vargas (1930 a 1945); a democratização (1945 a 1964); a ditadura militar (1964 a 1985) e a Redemocratização no ano de 2006.

     Os sentimentos que tem acompanhado a população brasileira durante os cento e noventa e oito anos da independência está alcançando o calendário anual de celebrações ao Dia da Independência, haja vista a crise sanitária que o mundo está passando. Os vereadores foram enfáticos ao destacar a importância do nacionalismo que deve estar presente em todos os lares brasileiros para vencer essa difícil batalha contra o inimigo Covid-19.

      É uma batalha que se vence através da união do povo brasileiro que deve se comportar de acordo com as orientações das autoridades sanitárias. O número de mortos e infectados permanece alto, principalmente no interior do país. Os parlamentares destacaram que somente unidos como nação poderemos vencer o vírus e, quem sabe, num dia derradeiro às margens de um outro Rio Ipiranga, ouvirmos um brado rompendo a máscara de proteção de rosto do governante, aclamando; "Independentes sem mortes !"

 

Resumo da 25ª SESSÃO ORDINÁRIA, realizada em 31 DE AGOSTO DE 2020.

Expediente

Foram lidos para serem encaminhados ao Sr. Prefeito:

 

Samuel Alves de Deus

Requerimento Nº 69/2020 - solicitando ao mesmo que estude as possibilidades junto ao setor competente de sua Administração, no sentido de que envie projeto de lei para esta Casa, dispondo sobre a instituição de campanha de estímulo à prevenção e orientação sobre o tratamento da pediculose da cabeça, no Município de Getulina.


 

João César da Silva

Requerimentos Nº 69/2020 - solicitando cascalho no final da Rua Wenceslau Braz, especificamente próximo a residência de nº. 10. Nº 71/2020 - João Cesar da Silva, solicitando ao mesmo que estude as possibilidades junto ao setor competente de sua Administração, no sentido de que estenda a tubulação de captação de água existente na rua que dava acesso ao extinto Matadouro, até o seu final, evitando o acúmulo de água suja e com mau cheiro próximo as residências que ali existem, desta forma evitaria a proliferação do mosquito da dengue e outras doenças relacionadas.

 

Foi lido e encaminhado às Comissões Competentes para os devidos Pareceres:

Ofício do Tribunal de Contas do E.S.P. Encaminhando link de acesso à cópia do Processo e TC-4127.989.18-4, referente à prestação de contas da Prefeitura Municipal de Getulina, exercício de 2018, para os fins previstos no artigo 31, parágrafo 2º, da Constituição Federal, combinado com o artigo 150 da Constituição do Estado de São Paulo. (link: https://camaras.tce.sp.gov.br/arquivos/E2B48CEAF83A31293423A479E21ED9A5/sftp/00004127989184.zip)

Mauro de Sousa Ribeiro MEI

CNPJ 24.209.452/0001-46